Conta de energia pode baixar em fevereiro

Cercado por tantos aumentos neste início de ano, finalmente, o brasileiro recebe uma boa notícia que pode aliviar o peso das contas. Segund...

Cercado por tantos aumentos neste início de ano, finalmente, o brasileiro recebe uma boa notícia que pode aliviar o peso das contas. Segundo previsões da CCEE ( Câmara de Comercialização de Energia Elétrica), pode haver redução de até 10% na tarifa de energia a partir do mês de fevereiro. A explicação está na desativação das usinas termelétricas (que possuem um custo mais alto e que estão funcionando hoje para compensar o baixo volume de água das hidrelétricas).

Foto: Antonio Rocha
Mesmo com as previsões meteorológicas mais pessimistas, a CCEE acredita que as termelétricas podem ser desligadas a partir do próximo mês, o que aliviaria os custos da produção de energia no país. Com isso, a cor da bandeira tarifária ( que define o valor a ser pago) poderia passar para verde, diminuindo a conta no final do mês. Atualmente, vigora a bandeira vermelha, a mais alta de todas, que eleva a tarifa em R$ 45 por MWh ( megawatt-hora).

De novembro de 2014 a novembro de 2015, a conta de energia aumentou 51,3%, quase cinco vezes mais que a inflação. O consumidor sentiu a diferença e agora começa a sonhar com um alívio. Mas, antes, que a euforia tome conta, é preciso lembrar dois detalhes importantes. Primeiro, caso haja, de fato, a redução prevista, ela deve ser gradual. Segundo, os brasileiros precisam continuar  economizando energia porque a situação das usinas ainda não é confortável.

Ainda não se sabe se essa possível redução será praticada aqui no Piauí. No nosso caso, particularmente, vivemos uma situação muito peculiar porque, além de pagar uma tarifa alta, recebemos um serviço de péssima qualidade que, quando não oscila, falta de vez, trazendo incontáveis prejuízos para os moradores e para o setor produtivo. Já que não se pode contar com energia de qualidade, que, pelo menos, pague-se uma tarifa de baixo valor.

Por Cláudia Brandão /Colunista do site Cidade Verde 

Veja também

OUTROS DESTAQUES 3071989157061540339

Postar um comentário

Últimas Notícias

item