Piauí registrou 51 casos de suspeita de microcefalia por Zika em 2015

PIAUÍ - O Piauí registrou 51 casos de suspeita de microcefalia causa pelo vírus Zika em 2015. Os dados foram divulgados pelo Ministério da ...

PIAUÍ - O Piauí registrou 51 casos de suspeita de microcefalia causa pelo vírus Zika em 2015. Os dados foram divulgados pelo Ministério da Saúde na última terça-feira (29), no último boletim epidemiológico de 2015. As informações foram copiladas até o dia 26 de dezembro do ano passado. Não houve aumento no número de casos registrados no boletim anterior, no entanto, houve uma alteração no número de municípios, antes eram 21 cidades, agora aparecem 20, com casos suspeitos.

Foto: Reprodução
Até o momento, uma única morte suspeita foi registrada no Piauí. No Brasil, são 40 óbitos suspeitos sendo investigados. No total, foram notificados 2.975 casos suspeitos da doença em recém-nascidos de 656 municípios de 20 unidades da federação. 

Das 20 unidades da federação com casos suspeitos, nove permaneceram com número de casos suspeitos iguais ao Boletim anterior divulgado na semana passada (22/12). Três estados (TO, MG e MT) apresentaram diminuição de casos e oito apresentaram aumento de casos.

O maior número de casos foi registrado em Pernambuco (1.153), o que representa 38,76% dos casos de todo o país. O estado foi o primeiro a identificar aumento de microcefalia no país. Em seguida, estão os estados da Paraíba (476), Bahia (271), Rio Grande do Norte (154), Sergipe (146), Ceará (134), Alagoas (129), Maranhão (94) e Piauí (51).

Operação Mata Mosquito
O grupo Cidade Verde lançou uma campanha contra o mosquito Aedes aegypti, responsável pela transmissão de doenças como a Dengue, o Chikungunya, e o Zika vírus, que está causando microcefalia em bebês.

Através dos canais de comunicação, o grupo, procura mostrar e informar à população que com medidas simples, as pessoas fazem sua parte e protegem a sua família, como não jogar lixo em terrenos baldios, limpar as calhas com frequência, se for guardar pneus e garrafas, retirar toda água e mante-los em locais cobertos, lacrar com sacos plásticos os vasos sanitários sem uso, encher os pratinhos ou vasos de planta com areia até a borda.

Fonte: Cidade Verde

Veja também

SAÚDE 2050786820436682251

Postar um comentário

Últimas Notícias

item