Universidade Aberta ofertará mais de 10 mil vagas

A Universidade Aberta do Brasil irá oferecer cerca de 10.800 vagas para o Piauí somente este ano. A informação é do diretor do Centro de En...

A Universidade Aberta do Brasil irá oferecer cerca de 10.800 vagas para o Piauí somente este ano. A informação é do diretor do Centro de Ensino a Distância e Universidade Aberta do Piauí (CEAD/UAPI), o professor Gildásio Guedes Fernandes. As vagas estão distribuídas em 15 cursos das áreas de saúde, exatas, humanas e educação. 



Ainda de acordo com o diretor, o vestibular da Instituição deverá ocorrer até o mês de julho, mas o edital do vestibular aguarda a liberação de financiamento do Governo Federal através da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes). As aulas deverão ser iniciadas no segundo semestre.

“Estamos apenas aguardando a liberação do financiamento externo pela Capes. Nós oferecemos o maior vestibular do Brasil em relação à rede pública de ensino. Já temos cerca de dez mil alunos e iremos oferecer 10.800 novas vagas no vestibular deste ano. Em termos de programa, nos temos o maior alcance social porque é uma oportunidade de estudo para muita gente de Norte a Sul do país”, disse o diretor.

Novos Polos 

Atualmente, o CEAD/UAPI possui 35 polos e, nesta quarta-feira (2), o Capes autorizou a candidatura de mais dois municípios como polos, que são os de Cajazeiras e São José do Peixe. Para a secretária estadual de Educação, Rajane Dias, essa é mais uma conquista para o nível superior de ensino público.

“Isso significa que nós já podemos receber a vistoria da Capes nesses dois municípios e em todos os demais que já possuem pólos/UAB, considerados aptos a receber os técnicos”, comemora a secretária.

Rejane Dias disse ainda que as visitas da Capes em Cajazeiras e São José do Peixe deverão ocorrer em abril deste ano. “Após essas vistorias técnicas, os municípios poderão agendar vestibular e ofertar as vagas para os estudantes”, explicou a secretária, acrescentando que a Seduc será responsável por manter a administração dos pólos e a parte de infraestrutura disponibilizando todas as condições estruturais, de tecnologia, equipamentos e a mão-de-obra administrativa.

Já o Ministério da Educação (MEC) fornecerá os professores, de acordo com os cursos que serão ofertados pelas universidades.

Fonte: Cidade Verde

Veja também

EDUCAÇÃO 4223894010498385244

Postar um comentário

Últimas Notícias

item