Seduc vai lançar aplicativo com professores online para o Enem

PIAUÍ - A Secretaria de Educação do Piauí vai lançar até a primeira semana de junho um aplicativo para auxiliar os alunos piauienses que fa...

PIAUÍ - A Secretaria de Educação do Piauí vai lançar até a primeira semana de junho um aplicativo para auxiliar os alunos piauienses que farão o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Um dos diferenciais da ferramenta será a interação dos candidatos com professores da rede estadual de ensino. Além do aplicativo, a Seduc está realizando o Canal Educação, com aulas via videoconferência para todo o estado. 

Imagem: Reprodução 
O aplicativo, de acordo com superintendente de ensino superior da Seduc, Ellen Gera, vai ser disponibilizado inicialmente apenas para alunos da rede pública e estará limitado aos smartphones com DDDs 86 e 89, de modo a antender somente os alunos piauienses. O objetivo é oferecer um conteúdo complementar aos que estão se preparando para o Exame. 

"Haverá questões para os alunos responderem nos moldes do Enem, que serão corrigidas sempre que o aluno errar. Estarão disponíveis também videoaulas e slides, além de professores online, que tirarão as dúvidas. Sempre que o aluno quiser saber mais sobre um conteúdo, ele envia uma pergunta e quando o professor estiver online, vai responder", explica. 

Ele diz que o aplicativo vai ser útil para saber que tipos de dúvidas estão sendo mais comuns entre os alunos. Assim, a Seduc vai disponibilizar videoaulas direcionadas aos temas mais pedidos ou onde os alunos tenham mais dificuldades. 

Quando for lançado, o aplicativo estará disponível de forma gratuita para celulares com plataforma Android e iOS. 

Hora do Enem

Atuando de forma semelhante, já está disponível a ferramenta Hora do Enem, para smartphones e tablets, desenvolvido pelo Ministério da Educação. O aluno pode fazer simulados online e acessar diversos conteúdos para se preparar. 



Além do app para celular, o Hora do Enem possui um hotsite que está sendo chamado de "MECFlix". Por meio do projeto, os alunos terão acesso gratuito a um hotsite com espaço interativo de estudo com dicas, vídeos, simulados on-line e um programa diário na TV Escola. 

Canal Educação 

Mais uma opção para aqueles que estão buscando se preparar para a prova, é o Canal Educação. Mais de 300 salas em todo o Piauí disponibilizam acesso às aulas, de forma gratuita. A prioridade são os alunos da rede estadual de ensino, mas a comunidade em geral pode buscar o serviço. 

Por meio de videoconferência, alunos de todo o estado podem assistir a aulas de professores ministradas em um estúdio da Seduc, em tempo real, tirando dúvidas e participando da aula. Em alguns municípios, a exibição acontece em auditórios, para que mais candidatos possam assistir. 

"O aluno pode buscar a escola da sua comunidade e saber se ali está havendo o Canal Educação. Atualmente, já são 10 mil alunos assistindo às aulas, que acontecem todos os finais de semana até o Enem. Aos sábados acontecem de 7h50 às 18h, com intervalo para almoço e aos domingos das 7h50 ao meio dia", orienta Ellen. 

Revisões

Há ainda as tradicionais revisões presenciais, que acontecem mensalmente em Teresina e no interior. Amanhã (21), Parnaíba sediará uma das aulas. O conteúdo será ministrado das 8h às 14h, no auditório do Porto das Barcas. A entrada é gratuita e a aula aberta a toda a comunidade. 

Enem

Ontem foi o último dia de inscrições para o Enem,  que foi realizada exclusivamente pela página do Exame na internet. O pagamento da taxa - no valor de R$ 68 - pode ser realizado em qualquer agência bancária, casa lotérica ou agência dos Correios, por meio de Guia de Recolhimento da União (GRU). O pagamento deve ser feito até as 21h59 (de Brasília) do dia 25 próximo.

Até as 18 horas de quinta-feira, 19, havia 6.818.563 inscritos. Segundo o MEC, cerca de 2,2 milhões de estudantes, alunos do último ano do ensino médio, devem fazer as provas do exame neste ano. 

Fonte: Cidade Verde

Veja também

NOTÍCIAS 9095417589049549396

Postar um comentário

Últimas Notícias

item