Dilma diz que tem gratidão pelo Piauí e promete voltar para inaugurar obras

PIAUÍ- A presidenta Dilma Rousseff aproveitou a visita a Teresina para demonstrar sua gratidão pelos votos recebidos no Piauí. Segundo ela,...

PIAUÍ- A presidenta Dilma Rousseff aproveitou a visita a Teresina para demonstrar sua gratidão pelos votos recebidos no Piauí. Segundo ela, todo o apoio da população é fruto de parcerias com o povo e com os gestores do Estado, como o governador Wellington Dias (PT) e os senadores Elmano Férrer (PTB) e Regina Sousa (PT). "Eu quero dizer a vocês que eu vou honrar. Vocês são meus parceiros. Se eu estou na Presidência da República eu devo a vocês do Piauí", disse a petista.


Em seguida, ela lamentou não estar vindo ao Estado para inaugurar obras ou lançar programas, mas prometeu que voltará. "Venho aqui com uma tarefa muito importante, que é lutar pela democracia e pelos direitos sociais que nós, brasileiros, conquistamos nos últimos tempos. E quero dizer para vocês que eu prometo voltar pra gente inaugurar novas obras. Essas que estão em andamento. Eu quero vir aqui para que a gente possa entregar casas do Minha Casa Minha Vida, para inaugurar a continuidade do projeto (de barragens) Bocaina-Piauí", citou a presidente.

Em Teresina, a presidenta Dilma Rousseff foi homenageada com três medalhas. A primeira foi a Medalha Heróis do Jenipapo, entregue pelo prefeito de Campo Maior Paulo Martins (PT). A segunda foi a Medalha do Mérito Renascença, entregue pelo governador Wellington Dias (PT) e a última foi o título de cidadã teresinense, entregue pelo vereador Gilberto Paixão, que propôs a honraria.

Antes, os senadores Elmano Férrer (PTB) e Regina Sousa (PT) discursaram, destacando a honestidade Dilma e reforçando a tese do golpe contra ela. "Não há nenhum crime de responsabilidade que essa mulher pura, essa mulher limpa tenha cometido. Estou aqui para reafirmar meu compromisso com a democracia. Estou com a presidente e votarei de acordo com a minha consciência e a consciência do povo piauiense. Deus a tenha!", disse Elmano, referindo-se à votação do impeachment no Senado.

Regina Sousa convocou a todos para estarem em Brasília no dia em que a votação for acontecer, no mês de agosto. "O mundo inteiro está dizendo que esse país está vivendo um golpe. E o Brasil começa a entender isso. No dia da votação nós vamos abalar Brasília. Temos que ir lá mostrar pra eles que ela não está sozinha. Quem tem que sair é aquele governo lá golpista", disse a senadora.

A presidenta afastada Dilma Rousseff (PT) chegou em Teresina nesta sexta-feira (15) para participar de um evento organizado pela Frente Brasil Popular no Piauí. Ela deverá discursar por cerca de 40 minutos para movimentos sociais e sindicais. Um palco foi montado na Praça Pedro II, com estrutura para receber centenas de apoiadores da presidenta. Na mesma ocasião ela receberá o título de cidadã teresinense.

Desde que foi afastada, Dilma Rousseff está viajando pelo Brasil para defender seu mandato e a tese de que está sendo vítima de um golpe arquitetado pelo vice-presidente Michel Temer (PMDB) e pelo ex-presidente da Câmara de Deputados Eduardo Cunha (PMDB).

As viagens da presidenta têm sido bancadas por uma “vaquinha virtual”, através da qual vários brasileiros estão fazendo doações em dinheiro. Isso aconteceu porque o presidente interino Michel Temer determinou que Dilma só poderia viajar, nos aviões da Força Aérea Brasileira, de Brasília para o Rio Grande do Sul, onde a família dela mora. Uma decisão judicial, entretanto, autorizou as viagens por todo o Brasil, desde que os custos não sejam pagos com dinheiro público.

O Piauí foi um dos Estados onde Dilma recebeu votação mais expressiva na última eleição. Em seu discurso, ela deverá agradecer o apoio e convocar os piauienses a lutar a favor da democracia.

Representantes do povo de religiões matrizes africanas entregaram alguns presentes à presidenta. “É com muito amor que estamos entregando esses cristais. Que cada um deles traga a saúde, a paz, o amor, a prosperidade que a senhora tanto merece. Axé, presidenta!”, disse uma mulher.

Fonte: Portal O Dia

Veja também

POLÍTICA 8299836391837599664

Postar um comentário

Últimas Notícias

item