Focos de queimadas diminuem 13% em relação a 2015 no PI, aponta Inpe

PIAUÍ - O número do foco de queimadas no Piauí caiu 13% nesse primeiro semestre em relação ao mesmo período do ano passado, de acordo com o ...

PIAUÍ - O número do foco de queimadas no Piauí caiu 13% nesse primeiro semestre em relação ao mesmo período do ano passado, de acordo com o sistema de monitoramento do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe). Foram 460 focos registrados contra 564 em 2015.

Tempo quente e seco favorece a ocorrência de queimadas (Foto: Fernando Brito/G1)
Embora haja uma redução, a previsão dos meteorologistas é de que os próximos meses sejam secos e sem chuvas, o que favorece a ocorrência de queimadas.

No ano passado, o Piauí chegou a registrar 14.730 focos de queimadas, um aumento de 65% em relação ao ano anterior quando o sistema de monitoramento do Inpe identificou 9.584 focos.

"A previsão é que o período compreendido entre os meses de outubro a dezembro, popularmente conhecido como B-R-Ó Bró, seja mais quente e seco do que foi o ano passado, quando tivemos temperaturas acima da média registrada em 2014", completa Sônia.

“Tudo indica que a seca este ano abranja uma área maior do Piauí, chegando a ser extrema, a menos que ocorra o fenômeno conhecido como La Niña, considerado o oposto do El Niño, que pode se dá entre julho e setembro e no Nordeste poderá ser observada uma intensificação das chuvas. Se isso não ocorrer, teremos meses bastante quentes e secos até o fim deste ano”, completou a meteorologista.

Fonte: G1


Veja também

PIAUÍ 8565138823043150581

Postar um comentário

Últimas Notícias

item