Estupradores estudavam com menina de 11 anos

GEMINIANO- O delegado geral da Polícia Civil, Riedel Batista, disse que a polícia já identificou sete suspeitos de estuprar uma menina de 1...

GEMINIANO- O delegado geral da Polícia Civil, Riedel Batista, disse que a polícia já identificou sete suspeitos de estuprar uma menina de 11 anos, em Geminiano (a 323 km de Teresina e 20 quilômetros de Picos). Ele informou que há 20 dias a família denunciou o caso à Delegacia Regional de Picos dizendo que ela estava sendo abusada por alguns adolescentes da cidade.

Imagem Ilustrativa


O delegado esclarece que não foi estupro coletivo porque foram em datas e horários diferentes. “Já foi feito exame".

Que o crime é estupro de vulnerável e que alguns dos suspeitos estudavam com ela e que todos eram conhecidos.

O site de notícias Picos 40 Graus entrou em contato com um tio da vítima, que informou que soube por vizinhos a existência de um vídeo gravado com a criança mantendo relação com um adolescente. Ele disse que este teria sido o primeiro episódio; o segundo aconteceu na quadra esportiva, onde três menores teriam mantido relações sexuais com a menina e no terceiro caso teria ocorrido mais estupro e entre os envolvidos dois maiores de idade.

Após descobrir os abusos sofridos por a filha, a mãe da jovem procurou o Conselho Tutelar do município e prestou Boletim de Ocorrências na Polícia Civil. A conselheira tutelar, Francisca das Chagas, toda a equipe do conselho vem acompanhando o caso.“O caso chegou ao conselho através da mãe da menor. Tomamos as devidas providências, encaminhamos o caso ao Ministério Público e a criança está sendo acompanhada por psicólogos e pela assistente social, além disso, estamos fazendo visitas regulares à família”, disse a conselheira.

FONTE: Cidade Verde

Veja também

NOTÍCIAS 8441191200711444692

Postar um comentário

Últimas Notícias

item