Comércio picoense registra mais de 600 demissões em seis meses

PICOS - De janeiro a julho deste ano o comércio picoense registou mais 650 demissões, o que equivale a um aumento de 7% em comparação ao ...


PICOS - De janeiro a julho deste ano o comércio picoense registou mais 650 demissões, o que equivale a um aumento de 7% em comparação ao mesmo período do ano passado. Segundo o presidente do Sindicato dos Trabalhadores no Comércio e Servidores de Picos, (SINTRACS), Marcos Holanda, as demissões afetaram todos os seguimentos do comércio, e de forma acentuada, o setor de supermercados, onde as demissões tiveram um aumento de mais de 35% com relação a 2015. 

Avenida Getúlio Vargas no centro de Picos. (Foto: Antonio Rocha)
Apesar dos números negativos, o setor espera um crescimento nas vagas de empregos para o segundo semestre, isso por dois motivos: a esperança da uma possível estabilidade política e econômica no âmbito nacional e da abertura de dois shoppings centers na cidade, prevista para acontecer nos próximos meses.

“Esperamos que até dezembro as coisas melhores uma vez que é final de ano, o que sempre provoca o crescimento das vendas e as empresas começam a contratar para o final de ano. Estamos ansiosos para que as coisas melhorem”, acrescentou. 

Com informações do Portal Picos 40 Graus 


Veja também

PICOS 1069422580640965988

Postar um comentário

Últimas Notícias

item