Quase dois mil candidatos no PI não possuem ensino fundamental

PIAUÍ - As estatísticas de escolaridade dos candidatos divulgadas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) revelam que 19,87% dos políticos...


PIAUÍ - As estatísticas de escolaridade dos candidatos divulgadas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) revelam que 19,87% dos políticos que solicitaram registro de candidatura no Piauí não possuem sequer o ensino fundamental completo. O percentual corresponde a 1.983 candidatos nos 224 municípios do estado.
Imagem Ilustrativa 
Entre os candidatos que não possuem o ensino fundamental, 23% declaram saber apenas ler e escrever. A grande maioria dos políticos sem o ensino fundamental é composta de candidatos a vereador, que correspondem a 92,48% do total. Os dados mostram ainda que 2,52% são candidatos a prefeito e 5,14% de candidatos a vice.
Pelo menos 15 candidatos a prefeito no Piauí e mais de 400 postulantes ao cargo de vereador sabem mal ler e escrever. Conforme as estatísticas divulgadas pelo TSE até o final da manhã desta segunda-feira (22), quase 10 mil pessoas solicitaram registro de candidatura em todo o estado.
Um dos municípios com os índices de baixa escolaridade mais elevados entre os candidatos é Caraúbas do Piauí. Por lá, 45,45% dos políticos com pedido de registro de candidatura solicitado junto à Justiça Eleitoral não possuem o ensino fundamental completo. Ao todo são 15 dos 33 candidatos do município de Caraúbas.
Outros dados
O município de Caraúbas do Piauí possui o maior índice de eleitores analfabetos do estado. Segundo TSE, a cidade tem 4.388 eleitores e 1.338 são analfabetos, o que corresponde a 30,49%. Se considerada a média de votos dos vereadores eleitos na última eleição municipal, a parcela eleitores analfabetos é necessária para eleger praticamente a metade do Poder Legislativo de Carúbas, composto por nove parlamentares.

Fonte: G1

Veja também

PIAUÍ 1399837494084592620

Postar um comentário

Últimas Notícias

item