Secretaria de Saúde do PI investiga 31 mortes e 168 casos por H1N1

PIAUÍ - A Secretaria de Saúde do Piauí (Sesapi) está investigando 31 mortes que teriam sido causadas por Influenza A H1N1. Além dos óbitos,...

PIAUÍ - A Secretaria de Saúde do Piauí (Sesapi) está investigando 31 mortes que teriam sido causadas por Influenza A H1N1. Além dos óbitos, 168 casos também estão sendo investigados sendo que do total de casos notificados, 15 são de pacientes provenientes do estado do Maranhão, um da Bahia e outro do Ceará. As notificações ocorreram no período de janeiro a julho de 2016. Os números foram divulgados na última terça-feira (2).

Foto: Canabrava News
Ainda segundo o relatório da Sesapi, os municípios de Teresina, José de Freitas, Parnaíba, Timon (MA) e Santa Luzia (MA) mantêm o maior registro da doença. Em relação ao gênero, dos 168 casos notificados, mais de 62,5% foram em pessoas do sexo feminino e 37,5%, do sexo masculino.

Dos 168 casos notificados, sete tiveram resultados conclusivos por Influenza A(H1N1); dois para Síndrome Respiratória Aguda Grave(SRAG) por Influenza B; quarenta e cinco para Síndrome Respiratória Aguda Grave(SRAG) não especificada; um caso foi isolado para Adenovírus e 113 aguardam resultados laboratoriais para o seu encerramento.

Ao se considerar os 31 óbitos registrados, oito exames laboratoriais já foram encerrados. Sendo dois casos confirmados por Influenza A(H1N1); seis identificados como Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) não especificada e 23 estão em investigação epidemiológica, aguardando resultado.

Fonte: G1

Veja também

SAÚDE 7450231318834530476

Postar um comentário

Últimas Notícias

item