Confusão na Penitenciária de Picos deixa dois detentos mortos

PICOS - Uma confusão durante o banho de sol na Penitenciária José de Deus Barros, em Picos, deixou um detento morto e outro gravemente fe...


PICOS - Uma confusão durante o banho de sol na Penitenciária José de Deus Barros, em Picos, deixou um detento morto e outro gravemente ferido. Informações extra oficiais apontam que o desentendimento teve início por volta de meio dia desta quarta-feira, 02.

Benedito Josenildo Alves, vulgo Jotinha, de 30 anos estava preso há quatro anos por tráfico de drogas e sofreu várias perfurações pelo corpo. Populares que estavam presentes no Hospital Regional Justino Luz afirmaram que o mesmo já chegou ao local sem vida.

Familiares de Jotinha, sem informações do que realmente aconteceu, esperam na porta no necrotério para a liberação do corpo.

Um detento identificado como Alderi Pereira do Nascimento, vulgo Pezinho, chegou ao hospital gravemente ferido e morreu horas após dar entrada na emergência. Informações do hospital apontam que o mesmo foi submetido a uma cirurgia, mas após voltar para a observação veio a óbito.

Pezinho foi preso em 2015, por roubar um motocicleta e segundo a Polícia Militar é acusado de ter assassinado “Diabo Louro”.

A redação do Picos 40 Graus procurou o diretor da penitenciária, Sinval Hipólito, mas não obteve respostas. Até o momento não foi divulgada as causas e nem os objetos utilizados no crime.

Três detentos já foram mortos na Penitenciária José de Deus Barros. Em 23 de dezembro de 2014, Francisco de Assis Lino Evangelista, conhecido como ‘Nêgo Assis’, foi morto durante uma briga com outros detentos no momento do banho de sol. O corpo do presidiário apresentava várias perfurações.


Fonte: Picos 40 Graus

Veja também

POLÍCIA 7220758367807539003

Postar um comentário

Últimas Notícias

PUBLICIDADE

item