Secretaria de Trânsito intensifica fiscalização contra o transporte clandestino

PICOS – A Secretaria de Transportes, Trânsito e Mobilidade Urbana de Picos iniciou nesta terça-feira (31) uma ação de fiscalização contra...


PICOS – A Secretaria de Transportes, Trânsito e Mobilidade Urbana de Picos iniciou nesta terça-feira (31) uma ação de fiscalização contra o transporte irregular. O alvo das blitzes são os veículos clandestinos que fazem o transporte de passageiros na macrorregião de Picos. Além das vans, carros de passeio estariam sendo utilizados para transportar pessoas.

Secretaria de Trânsito intensifica fiscalização contra o transporte clandestino. (Foto: Antonio Rocha)
O secretário de Transportes, Trânsito e Mobilidade Urbana de Picos, Edilberto Cirilo, alerta que o transporte irregular de passageiros é crime e que a fiscalização será intensificada. 

“Vamos intensificar a fiscalização e só vai ficar realmente trabalhando dentro da cidade de Picos, taxistas ou mototaxista, quem estiver com condições e estiver regularizado para exercer essa profissão”, afirmou Edilberto.

Secretário de Transportes, Trânsito e Mobilidade Urbana de Picos, Edilberto Cirilo. (Foto: Antonio Rocha)
Além de colocar em risco a vida dos passageiros, o transporte clandestino traz prejuízos para os perueiros que atuam de acordo com o que determina a Lei. De acordo com o presidente da Cooperativa dos Condutores de Veículos de Passageiro da Região de Picos (COOCAVEPI), Edimar Lima, a situação se agravou após a proibição da circulação de vans no centro de Picos. 

“Triplicou o número de veículos clandestinos que transporta passageiros dentro da cidade de Picos, então hoje o nosso sistema está quase falido, então precisamos tomar uma atitude urgente com fiscalização no transporte irregular”, afirmou. 

Presidente da COOCAVEPI, Edimar Lima. (Foto: Antonio Rocha)
Ainda de acordo com o Secretário de Trânsito, os veículos utilizados para fazer o transporte irregular são inapropriados e representam risco para os passageiros.  

“Uma maneira de burlar o trânsito, por que as vans não podem entrar no centro, tem o local certo para a parada delas, então eles vindo, pedindo esse passageiro no centro, causando problema no centro, em carros que na grande maioria são doblos ou carros de passeio mesmo, totalmente inapropriados para transporte de passageiros”, frisou. 

Atualmente, apenas 130 vans possuem licença para fazer o transporte alternativo em Picos. Para o secretário, a fiscalização dará mais organização ao trânsito. “Estamos de olho e vamos fiscalizar e vamos tirar, é uma questão de organização do trânsito e se queremos organizar o trânsito passa por isso aí também, não adianta abrirmos avenidas e ruas e não fiscalizar o nosso centro”, afirmou. 



Veja também

PICOS 941312363255979072

Postar um comentário

Últimas Notícias

item