Sem alimentos, idosos de abrigo precisam até de arroz e feijão

TERESINA A Casa Frederico Ozana está atendendo 47 idosos no limite de sua reserva de alimentos. Por conta da situação preocupante, a coorde...

TERESINA A Casa Frederico Ozana está atendendo 47 idosos no limite de sua reserva de alimentos. Por conta da situação preocupante, a coordenação do abrigo iniciou nesta segunda-feira (27) uma campanha pedindo a doação de gêneros alimentícios básicos, de modo a manter a casa em funcionamento, dando condições dignas de morada para os idosos que atende.

Foto: Arquivo O Dia
O objetivo da campanha, além de conseguir sair do limite da reserva da dispensa, é estocar uma quantidade extra para o período da Semana Santa, que inicia no próximo dia 13 de abril. A coordenação do abrigo está pedindo principalmente doações de arroz, feijão, açúcar, óleo, sardinha, peixes, ovos, leite em pó desnatado e integral, farinha láctea, maisena e mucilon.

De acordo com Janaína Santos, coordenadora do abrigo, do final do ano passado até agora, houve uma queda considerável no número de doações que a Casa Frederico Ozanan tem recebido e a situação de torna ainda mais preocupante às vésperas de um feriado prolongado. 

“Nós procuramos aumentar nosso estoque de comida porque muitas das pessoas que costumam doar regularmente viajam na Semana Santa e nós deixamos de receber muitas coisas. Então para manter o abrigo funcionando e dando condições de vida digna aos nossos idosos, intensificamos os pedidos”, diz Janaína.

Atualmente, os 47 idosos que vivem a Casa Frederico Ozanan consomem uma média de cinco quilos de arroz e dois quilos e meios de feijão por dia. Por isso a necessidade maior de doações destes dois gêneros alimentícios. E além dos alimentos, o abrigo pede também a doação de fraldas. Segundo Janaína Campos, este é um item básico de higiene para os idosos.

“Dos 47 idosos que atendemos hoje, apenas três não precisam usar fralda geriátrica, todos os outros usam mais de uma diariamente, o que dá um consumo de mais de 100 fraldas por dia. Então é algo necessário e que também estamos precisando muito”, explica a coordenadora do abrigo.

Para as pessoas que estiverem interessadas e poderem doar, os materiais poderão ser entregues na própria Casa Frederico Ozanan, que fica localizada na Rua Desembargador Pires de Castro, 2137, bairro Morro da Esperança. Quem for doar, mas não tiver como levar os alimentos até o abrigo, poderá entrar em contato pelo número (86) 3223-0018 e informar o endereço, que a equipe da Casa Frederico Ozanan pode ir pegar o material direto no local.

Fonte: Portal O Dia 


Veja também

PIAUÍ 8603973871090075132

Postar um comentário

Últimas Notícias

item