Maria Zélia lamenta rejeição de proposta que previa redução de carga horária dos professores

SÃO LUÍS DO PIAUÍ - No último dia 13 de outubro, aconteceu no plenário da Câmara Municipal de São Luís do Piauí, a sessão ordinária, on...




SÃO LUÍS DO PIAUÍ - No último dia 13 de outubro, aconteceu no plenário da Câmara Municipal de São Luís do Piauí, a sessão ordinária, onde foi colocada em votação a proposta de emenda à Lei de Plano de Cargos e salários do Magistério de São Luís do Piauí, de autoria da ex primeira dama do município, a vereadora Maria Zélia.

A proposta visava reduzir a carga horária dos professores com mais de 15 anos de efetivo exercício ou 50 anos de idade. Mas, a proposta não obteve os votos necessários para ser aprovada.

Além de Maria Zélia, apenas os vereadores Gilberto (PMDB), Augustinho (PMDB), José Nilson (PT), votaram a favor da proposta.

Votaram contra: Zé Bahia (PSD), Edilson Batista (PSD), Manoel João (PSB), Lourival (PSB) e Erismar (PSDB).


“A rejeição da nossa proposta se configura numa falta de reconhecimento do papel do professor na sociedade, como também na falta de liberdade que alguns vereadores ainda têm de seguirem seus próprios princípios”, acrescentou.

A vereadora lamenta não ter tido sucesso em sua proposta, a qual favorecia a classe dos professores, mas afirmou que irá continuar lutando por seus ideais, mesmo que tenha que se deparar com esses entraves em sua legislatura.

Maria Zélia reafirmou apoio a classe do magistério na luta por seus direitos, e lembrou que a proposta de emenda foi uma solicitação dos próprios professores do município.




Veja também

SÃO LUÍS 6329183948739130869

Postar um comentário

Últimas Notícias

item