Neste fim de semana dois assaltos foram registrados em Picos. O primeiro aconteceu por volta das 20h50 de sábado. Um restaurante localizado na Avenida Severo Eulálio no bairro Canto da Várzea foi alvo da ação de criminosos. Segundo o dono do estabelecimento, Paulo Cosme, um homem armado usando máscara chegou com arma em punho e roubou bolsas de clientes.

Comércio no bairro Ipueiras foi alvo de assaltantes. Foto: Canabrava News)

“Eles chegaram pela rua lateral, e um deles com uma arma em punho deu um tiro para cima e pegou uma bolsa que estava na primeira mesa e partiu para segunda mesa e conseguiu pegar duas bolas. Nesse momento algumas pessoas correram e o assaltante ficou desestabilizado e fugiu pela mesma rua que chegou”, disse. 

A ação foi rápida, durou menos de um minuto, mas com imagens do circuito interno de câmeras de segurança, foi possível identificar algumas características físicas do assaltante.

“Estava de mascara, era um moreno alto, estava de jaqueta preta. Meu medo era que fosse um arrastão, que tivesse mais uns quatro ou cinco para fazer um arrastão, mas foram apenas duas mesas, ninguém reagiu e foi o melhor pois evitamos um mal maior”, relatou Paulo Cosme.

No fim da tarde deste domingo, 11, o alvo dos criminosos foi um comercio no bairro Ipueira. A ação foi semelhante com o assaltou no restaurante. Dois homens em uma moto, ambos de capacete, o garupa desceu e com uma arma chegou atirando para cima e anunciando o assalto.

De acordo com o comerciante, Firmino Leal, o assaltante estava muito nervoso.

“Ele entrou aqui e fez a abordagem com o pessoal, pedindo dinheiro e celular urgente, urgente. Quando ele viu que a gente demorou a se manifestar, ele atirou no telhado. Ele levou quatro celulares e uma quantia em dinheiro”, disse. 

Assaltante disparou contra o telhado. Foto: Canabrava News

Ainda de acordo com a vítima, às 10h ele foi à delegacia para fazer o reconhecimento de um homem que foi preso pela Policia Militar e apontado como suspeito de ter praticado o assalto ao comercio no bairro Ipueiras. 

“Fui à delegacia e me levaram para o reconhecimento. Eu disse que a estatura era do rapaz que andou no meu comércio e não tinha como conhecer o rosto por que estava de capacete e usando mascara, mas soube que ele foi encontrado com três celulares, um revolver e uma faca”, disse o comerciante.

A nossa equipe entrou em contato com o delegado plantonista Rodrigo Morais que afirmou que durante o fim de semana não houve prisão.

Comente




Postagem Anterior Próxima Postagem