Santo Inácio do Piauí, Simões, Jurema e Caridade do Piauí terão apenas um candidato para o cargo de prefeito. Candidatos precisam receber apenas um voto para serem eleitos.

Prefeitura de Santo Inácio do Piauí. Foto: TV Clube

Dos 224 cidades do Piauí, quatro terão eleições com apenas um candidato para o cargo de prefeito e vice prefeito. Assim, cada um deles precisa de apenas um voto para ser eleito. Os municípios são Santo Inácio do Piauí, Simões, Jurema e Caridade do Piauí.

Segundo Aurélio Lobo, especialista em Processo Civil Eleitoral, os candidatos precisam de apenas um voto para serem "eleitos". "Na regra geral, o candidato precisa da maioria absoluta dos votos validos, não se computam os votos brancos e nulos, só os votos válidos dados a candidatos. Então, nesse caso da eleição única, basta que o candidato vá lá votar e alcance uma votação simples", explicou.

Para a cientista política, Beatriz Ribas, o fenômeno da candidatura única pode ser um sinal de comodismo político. Para ela, é fundamental analisar o que teria causado essas candidaturas únicas: se foram impugnadas outras candidaturas concorrentes, ou se isso é reflexo de uma falta de interesse das pessoas dos municípios em participar do processo eleitoral.

“Uma democracia pressupõe competição, pluralidade. Os eleitores precisam fazer comparações entre os candidatos, suas histórias, suas trajetórias e seus planos de governo. Isso é saudável para a democracia. Quando não há isso, o eleitor perde referências para comparar”, conta Beatriz.

Em 56 anos de emancipação política, o município de Santo Inácio realizará pela primeira vez eleições com candidatura única à prefeitura. Na prática, o candidato a prefeito precisará apenas de um voto para vencer o pleito do dia 15 de novembro.

O estudante Anderson Ramos, de 17 anos, é morador de Santo Inácio e vai votar pela primeira vez em 2020, mas apenas para vereador. “Se limitando só a um, você não vai poder exercer a real função do voto. Você não tem escolha. E o poder da democracia é esse, o poder de escolher”, disse.

Segundo o historiador Jaílson Valetim, a cidade de Santo Inácio vai ter uma eleição com candidato único pela primeira vez. 

“Sempre tivemos eleições disputadas, acirradas. Tivemos eleições cujo saldo, a diferença entre os dois candidatos, foram pouquíssimos votos. Já tivemos eleições com mais de dois candidatos. Agora, essa foi diferente”, disse.

Já o prefeito de Santo Inácio e único candidato, Tairo Mesquita (Republicanos), vê a situação como algo positivo, e sinal de que não há divergências sobre a administração pública. "Vejo como um encontro positivo. Se a população toda vendo que está sendo bem atendida, se não tem discriminação, para que mudar?", disse Tairo Mesquita. 


Fonte: G1 Piauó 

Comente




Postagem Anterior Próxima Postagem