Segundo o relato de um cunhado do pescador, que presenciou o acidente, Francisco estava recolhendo suas redes de pesca usando uma câmara de ar como boia.

Barragem em São João Batista. Foto: Reprodução

Um pescador, identificado apenas como Francisco de Assis, desapareceu nas águas do Riacho São João em Vila Nova do Piauí, a 307 km de Teresina, nesta segunda-feira (2). Segundo familiares, o homem teria sofrido um ataque epilético durante o trabalho. Os bombeiros iniciaram as buscas, mas não conseguiram localizar o corpo do pescador nesta segunda-feira (2).

De acordo com o comandante do Corpo de Bombeiros de Picos, major Hamylton Lemos, o caso aconteceu por volta das 11h, na barragem de São João Batista, na zona rural da cidade.

Segundo o relato de um cunhado do pescador, que presenciou o acidente, Francisco estava recolhendo suas redes de pesca usando uma câmara de ar como boia. Durante o trabalho, Francisco teria sofrido um ataque epilético e desaparecido nas águas.


“Pelo que o cunhado percebeu, ele teria sofrido esse ataque epilético. O Francisco já tinha esse problema, e o cunhado acredita que foi a causa do afogamento. Isso ainda deve ser apurado”, disse o major Hamylton.

Uma equipe dos Bombeiros foi até o local e começou as buscas por Francisco ainda durante esta segunda-feira (2), mas não conseguiu localizar o pescador até o início da noite, quando o trabalho teve de ser suspenso. As buscas devem ser retomadas na manhã de terça-feira (3).



Fonte: G1

Comente




Postagem Anterior Próxima Postagem