Foram mais de oito meses atuando na linha de frente no combate ao novo coronavírus, até que no mês de dezembro a técnica em enfermagem, Valdineia Carvalho, teve que inverter os papéis, ao invés de cuidar, ela se tornou paciente, após contrair a doença e precisar ser internada. 

Valdineia Carvalho venceu a Covid. Foto: Reprodução/arquivo pessoal

Valdineia trabalha no Centro Covid no município de São João da Canabrava. A profissional de saúde conta que foram muitos os sintomas provocados pela doença. Sentiu cefaleia, fraqueza, dores musculares, febre, perda de olfato e paladar, diarreia e desconforto respiratório. O resultado do teste veio no dia 16 de dezembro, seis dias depois precisou ser internada no Hospital Regional Justino Luz, em Picos. 

"Fui internada dia 22, fiz uma tomografia e tive 25% dos pulmões comprometidos, estive internada na enfermaria, minha saturação não era boa, tive aumento na glicemia e febre os dias que fiquei lá", disse.

Ela ficou internada até o dia 26, quando pediu para receber alta e terminar o tratamento em casa. Valdinéia estava preocupada com o filho, um adolescente de 14 anos, que também havia contraído a Covid-19 e seguia em isolamento domiciliar.

Recuperada, Valdineia voltou ao batente nesta segunda-feira, 04. Se por um alado, está aliviada por ter se recuperado, por outro lado, revela uma preocupação com as pessoas que não seguem as medidas de prevenção e facilitam a proliferação do vírus.

"Tenho preocupação por que muitas pessoas não procuram o centro de tratamento do vírus, mesmo com sintomas. Porém fiquei satisfeita com decreto do prefeito para que consigamos normalizar a situação no município", esclareceu.

Após vencer a Covid, Valdineia faz um apelo à população.

“Espero que as pessoas tenham consciência, usem a máscara, mantenham distanciamento, continuem seguindo as recomendações sanitárias e qualquer sintoma respiratório ou associado aos sintomas covid, procurar o centro de covid para atendimento médico, testes e medicação, além do acompanhamento”, reforçou.

Segundo o último boletim, São João da Canabrava tem 222 casos positivos e 6 mortes pelo coronavírus. 

Comente




Postagem Anterior Próxima Postagem