Fiéis falam sobre devoção a Nossa Senhora Aparecida

Fiéis durante Missa Solene de Nossa Senhora Aparecida. (Foto: Rosário Sousa) SÃO JOÃO DA CANABRAVA – Na manhã desta quarta-feira (12)...


Fiéis durante Missa Solene de Nossa Senhora Aparecida. (Foto: Rosário Sousa)
SÃO JOÃO DA CANABRAVA – Na manhã desta quarta-feira (12), Dia de Nossa Senhora Aparecida, padroeira do Brasil, a comunidade Aparecida, em São João da Canabrava celebrou a missa solene da 48ª Festa da Padroeira, a celebração contou com muitos fiéis da região e filhos da terra que atualmente residem em outras cidades e estados. 

FOTOS II: Comunidade Aparecida celebra Padroeira em São João da Canabrava

Elza Lima, devota de Nossa Senhora Aparecida. (Foto: Rosário Sousa)
Para a devota e animadora da comunidade, Elza Lima, que integra o coral, celebrar Nossa Senhora Aparecida representa amor e união na comunidade e nas famílias. Ela conta que na sua família a tradição de participar dos festejos vem sendo passada de geração em geração.

“Um sentimento de prosperidade, de união entre as famílias, as comunidades, e sentimento bom, que ficam as coisas boas, para que posso no próximo ano estar tentando melhorar algumas coisas. Representa muito amor, para com Maria, Maria nossa mãe, nossa virgem que ela nos proteja, guie sempre nessa caminhada e que tenhamos muitas e muitas datas para comemorar junto as nossa comunidade e familiares”, afirmou.

Neuma Batista veio da capital Teresina para participar do festejo e se emocionou ao lembrar da mãe, dona Fausta de Zeca Balduíno, que costumava participar das missas de Nossa Senhora Aparecida. 

“Desde criança sempre festejando essa festa, vindo todo dia, um dia maravilhoso para a gente de comemoração, hoje eu me sinto vazia um pouco com saudade da mamãe, um pouco assim porque a gente não vê a presença, mas ela está dentro do coração que a gente nunca esquece . A Nossa Senhora é a imagem dela é a imagem da mamãe que a gente sempre vê perto da gente, e quero manter essa tradição muitos e muitos anos, até o fim da minha vida, e sempre trazer meus filhos, eles sempre participarem, aqui é a nossa terra onde nós nascemos e aqui eu quero um dia fazer a minha casinha, morar aqui, e trazer meus filhos sempre para me visitar aqui onde me nasci e me criei , com fé em Deus vai ser isso", afirmou..

Neuma batista veio da capital Teresina para participar do festejo. (Foto: Rosário Sousa).
Para o animador da Comunidade, Francisco Lima, a festa da padroeira é um momento de muitas recordações, oração e fé. “Um tempo de graça, de aprofundamento da palavra de Deus, de oração, e uma coisa de muitos e muitos anos, uma tradição de 48 anos, então recorda muitas lembranças desde os primórdios até os dias de hoje, e só muito graça muita benção na vida da comunidade.”, finalizou. 

Animador da Comunidade Aparecida, Francisco Lima. (Foto: Rosário  Sousa)

Veja também

SJC 2767539969892001442

Postar um comentário

Últimas Notícias

item